sábado, 14 de fevereiro de 2009

V RETIRO DAS PEDRINHAS (Versão Ademar)



De 06 a 08 de fevereiro deste ano (2009) um grupo de ex-seminaristas redentoristas esteve reunido nas Pedrinhas (pé da serra da Mantiqueira, próximo a Guaratinguetá/SP) para um retiro espiritual. O encontro foi excelente: muita reflexão, oração, conversa, amizade, reencontro com amigos de antigamente.

Pe. Paiva foi o pregador. Pe. Libardi o coordenador.

O evento é promovido anualmente pela UNESER (União dos ex-seminaristas redentoristas). Mensagem forte foi a da necessidade de se viver o EU na sua unidade e integralidade, com aceitação e administração de todas as sombras, defeitos, de todos os sapos que a integram, em conjunto com as qualidades. Muito se tratou da necessidade de se produzir conforme os talentos recebidos, de ir além da mediocridade, de se viver e divulgar o espírito redentorista. Vale o lema: uma vez redentorista, sempre redentorista.
Dentre outros, muito me alegrou a presença de um amigo de outrora, Afonso de Souza Cavalcanti, hoje professor universitário, Mestre e Doutor, um grande filósofo, com alguns livros publicados. Há pelo menos trinta e oito anos não nos víamos.
Foi muito bom. Foi excelente saber que o Edélcio sobrevive com coragem a seus problemas de saúde.
Nada a criticar negativamente.
Que outros eventos dessa natureza se repitam.
De ver-se fotos do grupo todo e de minha turma em especial.

Um comentário:

Dema disse...

Comentário de Afonso, através de Dema:
"O Ademar é mesmo "O Cara", um mineiro excelente, amigo do peito. O que ele nos repassa, sobre os momentos que vivemos, de 6 a 8 de fevereiro, não há valor econômico que pague. As fotos parecem um passo de mágica, pois nos deslocamos de onde estávamos para o fenômeno das fotografias. Quem diria que uma turma grande e de vários lugares do Brasil pudesse se reunir, na varanda do Seminário Redentorista da Pedrinha. A foto dos 8 ex-seminsristas (contando com o Nelson) retrata a fraternidade redentorista que celebramos no ínício dos anos de 1970. Para os ex-seminaristas e familiares que estiveram conosco, um abraço, para os dois padres(Paiva e Libardi), muita luz e um grande Deus lhes pague!"
Abracíssimo. Afonso.